Buscar

Nem tudo depende de você. Acalme-se!

Atualizado: Ago 9


Arte: Yassin Doukhane/ Pexels


“Basta desejar para criar”, “Basta fazer para acontecer”, “O que falta é uma dose de esforço a mais”. Será mesmo que você tem controle sobre tudo, o tempo todo?


Essas frases de efeito permeiam a nossa vivência no mundo digital – e também no mundo físico. Podem nos dar ânimo ou nos dar ânsia - depende do estado em que estamos.


Elas escondem um engodo, uma espécie de armadilha, em que se joga toda a responsabilidade da realização das coisas em nossas costas.


Essas afirmações suprimem fatores completamente fora do nosso controle: o externo – que é muito maior em relação a nós.


Se vai chover ou se vai fazer sol, ou mesmo o comportamento das pessoas, essas e muitas outras circunstâncias independem de nós. Não estão em nossas mãos.


Até mesmo numa conversa, por exemplo, a construção de sentido passa também pela perspectiva do outro, que não está no seu controle. O psicanalista francês Jacques Lacan certa vez falou: "Você pode saber o que disse, mas nunca o que o outro escutou".


É claro que também devemos reconhecer essas causas estruturantes e que condicionam algumas de nossas ações.


Porém, o que está a nível individual – isso, sim! – depende de nós.


Tem coisas que não estão em nossas mãos mesmo e é preciso relaxar. Para todas as outras, autoconhecimento ajuda. Quando nos conhecemos de verdade, e reconhecemos as nossas limitações e qualidades, também criamos o poder de escolher o modo como vamos encarar tudo que vem do externo, incluindo o acaso e o incerto.


Esse é o leque de elementos que podemos mudar e usar como ferramentas para o nosso desenvolvimento.


Se não podemos controlar o que vem de fora, pelo menos podemos conduzir a nós mesmos.


A sua mente é a fábrica mais importante para focar a atenção.


É a partir dela que fabricamos alguns dos labirintos em que ficamos presos, numa espécie de repetição das mesmas situações ao longo da vida, mas também é a nossa mente que nos norteia e nos salva em meio às tempestades.


“Quando a situação for boa, desfrute-a.
Quando a situação for ruim, transforme-a.
Quando a situação não puder ser transformada, transforme-se”.
Viktor Frankl


A Inspira lançou O Livro de Afrodite - um guia arquetípico de encontro com a divindade de Afrodite que vive em seu interior. Metade livro, metade caderno de escrita terapêutica, contém 233 exercícios e textos reflexivos e instigantes para conversar com o seu inconsciente e fazer a sua Afrodite sair da concha.

Quer descobrir como? Clique aqui.