Buscar

O que aprender sobre ansiedade com Sêneca?


Há quase dois mil anos, o filósofo estoico Sêneca observou que “Há mais coisas que podem nos assustar do que nos destruir. Nós sofremos mais frequentemente na imaginação do que na realidade”. ⠀⠀⠀⠀

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Essa percepção de Sêneca também fala sobre nossos dias, marcados pela ansiedade e pelo estresse. Grande parcela do que causa o processo de ansiedade tem base em criações de situações que não existem ou não tem potencial para vir a existir. Alguns estudiosos chegam a apontar que apenas 8% das preocupações diárias têm fundamento. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Em casos de ansiedade e de preocupação, tente parar e ponderar sobre o cerne do problema que o aflige. Em seguida, coloque em perspectiva. Ou seja, veja ele dentro de um panorama de acontecimentos anteriores dentro de sua vida. Assim, perceberá que o problema tem proporções pequenas ou, até mesmo, não existe. ⠀⠀⠀⠀ ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Marque nos comentários ou envie este post para alguém que gostaria de ler isso! . . . Ph.: Pixabay/Pexels .

© 2019 por Indominus Mídia.

Revista Inspira