Buscar

O que você costuma dizer com mais frequência a si mesmo? - Amor Próprio Inspira


Quão doente está uma sociedade que normaliza a autodepreciação?

O que você acha que soa mais natural ouvir da boca de uma pessoa?

Ela se depreciando ou ela afirmando que é realmente maravilhosa? Nossa cultura criou uma modéstia tóxica. Amar a si mesmo e reconhecer suas virtudes é quase ofensivo. E não estamos falando de ser vaidoso, arrogante ou convencido, pois isso é medo, como afirma a escritora Louise Hay.

Passamos tanto tempo refugiados na modéstia que negligenciamos pequenas e grandes conquistas. Isso talvez seja reflexo de uma idealização do amor (em todas as esferas), incluindo a do amor por si mesmo. Mas saiba que você não precisa esperar ser uma “pessoa perfeita” para começar a se amar. Na verdade, é bem mais simples do que parece. Porque é muito simples se encantar pela vida! ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ Respeite a sua história, a alegria de estar vivo e comece a agradecer tudo aquilo que a necessidade de ser modesto fez você não enxergar em sua trajetória. ⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀ ► Vá além: faça uma lista de todas as coisas pelas quais você pode sentir amor. Logo você verá que é bem mais simples do que parece, e logo estará amando a si mesmo!

Continue acompanhando as nossas postagens da #SemanaDoAmorProprioInspira. Neste sábado, disponibilizaremos um presentinho para quem está acompanhando! E no domingo tem uma surpresa!

© 2019 por Indominus Mídia.

Revista Inspira