Buscar

Pesquisa aponta que tomar sol traz mais benefícios do que malefícios


Na cultura grega antiga, o Sol era a carruagem de fogo do deus Apolo, que percorria o céu, trazendo luz e vida ao planeta. Deus da luz e do sol, bem como da medicina e da cura, Apolo era uma divindade capaz de trazer as doenças e também de curá-las. E assim é com nosso astro-rei, o Sol.

De acordo com uma análise de dados empreendida pelo pesquisador independente M. Nathaniel Mead, a exposição ao Sol traz mais benefícios do que malefícios. Analisando o relatório da Organização Mundial da Saúde (OMS) de 2006, The Global Burden of Disease Due to Ultraviolet Radiation, ele concluiu que a exposição excessiva à radiação UV representa apenas 0,1% da carga global total de doenças.

Em contraste, a subexposição ao Sol tem relação com mais de 3,3 bilhões de anos perdidos de vida saudável no mundo inteiro. Uma exposição saudável ao Sol pode trazer inúmeros benefícios na qualidade do sono, do humor, no aumento de vitamina D e até mesmo na prevenção de doenças ósseas e diversos tipos de câncer.

Foto: Freepik

© 2019 por Indominus Mídia.

Revista Inspira