Buscar

A sua vida é criativa?

Dia #8 - Semana de Imersão em Afrodite

Este texto faz parte da Semana de Imersão em Afrodite, que aconteceu na nossa newsletter.



Oi, tudo bem?

Oitavo dia da nossa Semana de Afrodite e hoje eu vou falar sobre viver criativamente.


Talvez você pense, como eu pensei por muito tempo, que essa tal criatividade está reservada a artistas excêntricos, hippies que vivem da sua arte e profissionais de publicidade. Nunca gente que tem trabalhos “dentro da caixinha”. Mas eu estava errada, e você também pode estar.


Vida criativa é sobre viver de acordo com as coisas que a sua própria mente cria.


Vou explicar!


Existe um princípio muito antigo, da escola de mistérios de Hermes Trismegisto, que diz que, tudo o que existe na face da Terra existiu primeiro na mente de uma fonte criadora. Desse jeito, a matéria não seria mais que a força mental coagulada.


É só pensar em você.

O que tem lugar fixo na sua mente?

Será que isso não se reflete, de alguma forma, na vida que você leva e nos comportamentos que você adota? Será que isso é capaz de empacar relações e tornar invisíveis algumas oportunidades?


Olhando para mim, acredito que isso tenha um fundo de verdade. Não tudo, é claro. Porque nem tudo depende de mim nessa vida. Mas a parte que depende, sim.


A sua imaginação pode te adoecer ou te libertar.


Quer um exemplo?


Sabe aquele medo paralisante que vem de uma imaginação catastrófica? “Vão entrar na minha casa e machucar minha família”, “Vou ser traída de novo e já posso até imaginar os dois juntos”, “Uma crise econômica mundial vai acontecer e vamos viver como no filme Mad Max sem água e com muita violência. Vou começar a estocar comida!”.


Às vezes, as imagens são tão vivas que a pessoa pode sentir fisicamente a presença desse medo. Outras, o impacto mesmo é no plano mental, emocional e social.


Mas tem também o outro lado! Aquele quando você relembra (permeado por fantasias) um momento feliz da sua vida e chega a sentir borboletas na barriga; ou quando você consegue visualizar a vida que você quer e sentir aquela sensação tão maravilhosa de já ter chegado lá, e isso te renova para seguir em frente.


Para a psicoterapeuta Esther Perel, a imaginação é uma forma de expressar a nossa liberdade individual. Aquilo que imaginamos revela profundamente quem somos nós, livres de qualquer filtro!


Viver criativamente é usar essa liberdade que existe na imaginação para criar uma vida que amamos e que expresse no mundo aqui fora, no que chamamos de realidade, o melhor daquilo que a gente vive no mundo de dentro.


Elizabeth Gilbert, que tem um livro inteiro sobre isso (Grande Magia, 2015), escreve que viver criativamente é ser guiado muito mais pela curiosidade e pela experimentação – “Como será que vai ser quando as coisas forem do jeito que eu imagino?” –, do que pelo medo. É saber usar a imaginação.


Você tem alguma técnica para canalizar a sua imaginação de um ponto negativo para um lugar positivo?


Freud chamou esse mecanismo de desviar impulsos negativos para algo mais valioso de sublimação. E, segundo ele, veríamos isso nas artes, nas invenções e em toda materialização criativa.


Isso também é viver criativamente, transformando algo que seria um material bruto em uma obra de arte processada pela sensibilidade humana.


Você tem algum hobbie que pratica, já praticou ou tem interesse em praticar? Que tal canalizar tudo o que você está imaginando e se expressar de uma maneira criativa?


Esse é o exercício que a gente te propõe hoje. Criar uma música, uma coreografia, uma receita original, uma fotografia, um desenho, um look, um croqui, um poema, uma crônica, uma ficção, (coloque aqui a forma de expressão que você preferir)... Essa criação deve refletir como você tem se sentido nos últimos 3 meses.


Viver criativamente é investir em expressar quem você é e criar a sua vida como arte!



Estamos chegando ao fim da nossa Semana de Imersão em Afrodite e eu quero MUITO saber o que você achou! Se você quiser dar um feedback, não precisa ter vergonha não: me manda um e-mail, uma mensagem pelo Instagram, um sinal de fumaça... Isso realmente importa para a gente e eu vou agradecer muito!


Se você gostou de tudo o que a gente viu aqui e sente que o show deve continuar, eu deixo a dica d’O Livro de Afrodite, que preparamos com tanto estudo, dedicação e carinho, de verdade. São 361 páginas e 233 exercícios de autoconhecimento que realmente valem a pena. O mergulho é profundo!


Ele já está disponível aqui (na versão impressa ou digital). É só clicar! O valor que está lá é um valor especial de lançamento. Nós ainda não fechamos até quando manteremos os valores iniciais mais baixos. Mas quero muito que você possa dar esse passo, ouvir o chamado e investir em você!



Deixo aqui a nossa infinita gratidão por você ter passado essa semana junto com a gente! 🙏🏻 Sem você, não teria sentido. Estou muito feliz!


Você pode recapitular todas as nossas conversas clicando aqui. Esse link se expira em breve. Aproveite para ler tudo, refletir e fazer aqueles exercícios que ainda não teve tempo de fazer!


Para mais conteúdos, continue acompanhando a gente nas nossas redes sociais. Qualquer dúvida, é só chamar por lá também!

No Instagram, somos @movimentoinspira.

No Facebook, somos /revistainspira.



Mil abraços e que você tenha coragem de criar o seu mundo a partir do que você tem de melhor!


A Inspira lançou O Livro de Afrodite - um guia arquetípico de encontro com a divindade de Afrodite que vive em seu interior. Metade livro, metade caderno de escrita terapêutica, contém 233 exercícios e textos reflexivos e instigantes para conversar com o seu inconsciente e fazer a sua Afrodite sair da concha.

Quer descobrir como? Clique aqui.


© 2019 por Indominus Mídia.

Revista Inspira