Buscar

Intuição ou autossabotagem? Que voz é essa?




Na hora de tomar uma decisão importante, eis que surge em sua mente uma resposta. Ela parece ser o caminho certo a se seguir.


Mas aí vem de novo a dúvida: isso é uma intuição - a verdade do meu ser? Ou é apenas uma forma atraente de sabotar a minha jornada?


Se isso já te aconteceu, você deve imaginar que não há uma resposta fácil. Saber distinguir uma coisa da outra demanda conhecimento das vozes do seu inconsciente. Mas vamos tentar!


Autossabotagem

Se você percebe a opinião e os sonhos de outras pessoas dentro desse seu pensamento, existem chances desse pensamento ser sabotador. Observe também o nível de autocrítica e inferiorização velada nesse pensamento. E pergunte-se: "Se eu seguir esse pensamento, como estarei daqui a algum tempo com os resultados advindos dele? Isso me fará realmente feliz de alguma forma?". Seguindo esse filtro, se a resposta for "não", este pode ser um pensamento sabotador.


Intuição

Quando você tem uma intuição, ela pode te atingir na boca do estômago com uma sensação de entusiasmo que te faz recordar do seu próprio fogo criativo e poder pessoal. É uma espécie de instinto. Mas, para não metermos os pés pelas mãos, ela também deve passar pelo crivo de uma percepção aguçada e da visão a longo alcance: "Depois que eu fizer isso me sentirei feliz e alinhado à minha essência?". A chave é responder com sinceridade.


A partir do momento que você começa a desmascarar a voz sabotadora, você consegue discernir melhor o que é intuição. Ambas são vozes dentro de você.


O Caderno da Autossabotagem é um convite ao acesso do inconsciente e à desvitalização da voz sabotadora. Saiba mais clicando aqui!


Foto: wayhomestudio/ Freepik

© 2019 por Indominus Mídia.

Revista Inspira