Buscar

O conceito simbólico da fertilidade



Afrodite é a deusa da fertilidade. “Mas eu não quero ter filhos - ou não agora -, então, não tenho nada a ver com essa deusa”. Aí é que você se engana.

⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Essa visão estritamente biológica do conceito de fertilidade é algo novo.


O conceito de fertilidade em Afrodite vai muito além do reprodutivo.

E uma descoberta arqueológica vai te explicar porquê.


Çatal Hüyük é um sítio arqueológico localizado na atual Turquia e encontrado em 1950. É uma das cidades mais antigas do mundo, datando de 7.000 a.C.


Suas ruínas chamam atenção por reconstruírem a narrativa de um povoado agricultor, populoso e pacífico, cujo sistema de crenças se organizava em torno do feminino e de uma grande Deusa Mãe.


Diversos artefatos ritualísticos foram encontrados durante as escavações, sobretudo estatuetas femininas.


Inicialmente, pesquisadores atribuíram esse apreço pelo feminino como uma analogia entre a fertilidade da terra – que dava frutos - e a da mulher – que engendrava novos seres.


Mas uma descoberta de 2016 põe em questionamento esse culto à fertilidade como sinônimo de procriação física: uma estatueta de mármore raro encontrada nas escavações sob uma pedra obsidiana ritualística.


A flacidez em algumas regiões do corpo, bem como as mãos e pés em tamanhos reduzidos levaram os pesquisadores à conclusão de que se tratava da representação de uma mulher madura.


Isso indicava que anciãs, fora de seu período reprodutivo, teriam alcançado prestígio ritualístico.


Essa descoberta nos faz refletir sobre o sentido do poder de fertilidade que os antigos louvavam com suas deusas da fertilidade, sendo Afrodite uma representação grega. Ele, provavelmente, vai muito além da transcendência física, mas se eleva a uma categoria de fecundidade psicológica e espiritual.


Gestar ideias, projetos, comunidades e a si mesmo também é uma tarefa que envolve amor, beleza e a magia da transmutação.

Já pensou nesse tipo de maternidade/ paternidade?

O que você tem criado?


A Inspira lançou O Livro de Afrodite - um guia arquetípico de encontro com a divindade de Afrodite que vive em seu interior. Metade livro, metade caderno de escrita terapêutica, contém 233 exercícios e textos reflexivos e instigantes para conversar com o seu inconsciente e fazer a sua Afrodite sair da concha.

Quer descobrir como? Clique aqui.