Buscar

Afrodite e o poder depreciado do riso



Para os gregos antigos, a Deusa do Amor era conhecida também sob o epíteto philommeides, “aquela que ama o riso”.


É fácil perceber a associação. Quando estamos leves, relaxados, nos sentindo amados e em momentos de prazer: sorrisos e risadas vêm fácil.


Há tempos, no entanto, Afrodite e todos os assuntos ligados a ela passaram por um processo de rebaixamento cultural e o riso passou a ser depreciado.


Até mesmo em um país como o Brasil, em que a cultura da comédia é forte, é comum ouvirmos comentários do tipo: “Aquela pessoa está sempre rindo, ela me parece meio boba”. Isso quando o adjetivo final não quer dizer na realidade: burra, fraca, promíscua, preguiçosa, infantil ou menos capaz.

Mas por que essa perseguição ao riso?

O que se sabe é que o riso suspende o medo. E, sem usar do medo, como poderíamos ser doutrinados e controlados?

Uma boa leitura sobre isso é o livro de ficção O Nome da Rosa, de Umberto Eco.

Rir é poderoso. E a insubordinada energia de Afrodite quer que você pegue esse poder de volta para si.

O que 1 minuto de risada é capaz de ativar em você?

- 45 minutos de bem-estar;

- Ansiedade e dores aliviadas;

- Aumento da atividade em um centro nervoso que inibe os sentimentos negativos e favorece a energia disponível;

- Diminuição da atividade em centros nervosos que geram pensamentos inquietantes;

- Descanso geral do organismo (biologicamente falando).

- Aumento da capacidade criativa e imaginativa e da capacidade cognitiva.

Tem rido muito pouco? Então aí você tem uma ótima oportunidade de se conhecer.

Quando você se permite dar uma boa gargalhada? Do que você ri? Qual foi a última vez que isso aconteceu?

O analista John A. Sandford observou que o humor – aquilo sobre o que nós rimos – nos revela a nossa própria Sombra - aquilo que evitamos encarar em nós.


A Inspira lançou O Livro de Afrodite - um guia arquetípico de encontro com a divindade de Afrodite que vive em seu interior. Metade livro, metade caderno de escrita terapêutica, contém 233 exercícios e textos reflexivos e instigantes para conversar com o seu inconsciente e fazer a sua Afrodite sair da concha.


Quer descobrir como? Clique aqui.


Foto: dusan jovic/ Unsplash